terça-feira, 4 de agosto de 2015

Competição nº 351 - 3ª edição da Mizuno Uphil Marathon 2015

Distância: 42 km 195 metros;
Tempo: 05 horas 27 minutos 20 segundos;
Local: Treviso a Lauro Müller - Santa Catarina;
Colocação Geral: 321;
Colocação Faixa etária: Não teve;
Total de Corredores de: 600.
Nesse final de semana que passou Sábado dia 01 Agosto 2015 à convite da Mizuno participei da 3ª edição da Mizuno Uphill Marathon 2015 na cidade de Treviso à Lauro Müller - Santa Catarina, prova organizada pela Mizuno e X3M.

Posso testemunhar que esse final de semana foi espetacular além de completar 30 anos de Força Aérea, tive a emoção, a alegria, o desafio e a superação de correr na famosa Serra Rio do Rastro em Lauro Müller - SC uma serra linda de tirar o fôlego e de 1.418 metros de altitude desbravada no passado por heróis tropeiros, se hoje milhares de pessoas conhecem esse local devemos muito a esses bravos heróis. Através dessa prova pude rever inúmeros amigo(a)s e conhecer novos amigos, esse final de semana ficará eternizado em minha memória.

Para essa prova as inscrições foram bem disputadas, fiquei de fora do 1° e 2° lote e só conseguindo uma vaga no 3° lote ufa...rsss. Cerca de 600 corredores de todo o Brasil aceitaram participar desse mega desafio, como não participei das edições passadas, procurei ver com quem já tinha participado para pegar os bizus e como o amigo e xará Jorge Cabral daqui do Rio já tinha corrido e iria ficou no mesmo hotel do que eu então todas as dúvidas foram tiradas com ele (obrigado).
Embarcando...rumo a Criciúma
Cheguei na cidade de Criciúma-SC às 02 horas da manhã do dia 31 Agosto 2015 (6ª feira) me hospedando no Hotel Zata. O kit começou a ser distribuído um dia antes da prova à partir das 14 horas, como cheguei de madrugada tomei café da manhã por volta das 10 horas e fui na rodoviária próximo ao hotel ver os horários de partida do ônibus para a cidade de Treviso (local de entrega do kit e largada da prova), os horários seriam 08:30h, 11:30h, 15:30h,19:30h e 21:00h, como já eram mais de 11 horas pegamos o de 14:30h da tarde, da cidade de Criciúma até o local da entrega do Kit (Treviso) de ônibus a viagem dura cerca de uns 35 minutos. Chegamos no local por volta das 15 horas e alguns minutos, onde já se encontravam vários corredores pegando o kit.
Já na cidade de Treviso - Pegando o Kit
Peguei o meu kit conferi e entrei no ginásio local onde também haviam vários corredores degustando de um bom lanche, com biscoito, sanduíches, frutas, café, leite, sucos, iogurte, tudo 0800 que bom...Como tinha acordado tarde para tomar café não acabei almoçando e aproveitei para fazer um bom lanche lá, dentro do ginásio tinha uma loja da Mizuno vendendo seus produtos esportivos, tinha também teste de biomecânica na esteira (sendo que quando chegamos lá pelo horário já não dava para fazer mais) e também rolou massagens para os corredores, já que não deu para realizar o teste de biomecânica eu e o amigo Jorge Cabral ficamos na fila para fazer uma boa massagem nas pernas, foi quando chegou o amigo Marcos Jorge dizendo que tinha alugado um carro nos convidando para conhecer o percurso, abdicamos da massagem e fomos lá conhecer a serra (obrigado). Passando pelo percurso e subindo a serra deu para ver a brabeza que nós iríamos enfrentar no dia 01 agosto, apesar que não tem muito mistério, antes pelo que via na internet das pessoas comentando, pensava que eram 42 Km subindo a serra e na realidade não são 42 Kms de subidas, pois o percurso começa no plano, depois vem alguns tobogans (subidas e descidas) e finalmente quando chega em Lauro Müller lá pelo Km 22 começa a subida da Serra do Rio do Rastro, sendo que o atleta tem que treinar e dosar a velocidade durante o percurso porque senão quando chegar na parte mais íngreme da prova vai penar porque os últimos 07 Kms finais são terríveis. Pena que já chegamos lá em cima anoitecendo, tava fazendo um pouco de frio e como já estava noite registramos algumas fotos e descemos a serra.
Fazendo o reconhecimento do percurso
Já no Sábado dia 01 agosto dia da prova, tomei café da manhã por volta das 8 horas, muitos como eu que estávamos em Criciúma e estava sem carro e iria de ônibus para à largada, preferimos abdicar do Congresso Técnico que começaria às 10 horas da manhã no local da largada, se fossemos participar do Congresso teríamos que sair de Criciúma às 08:30h da manhã para o Congresso e teríamos que ficar lá o dia inteiro e só iria desperdiçar energia à toa, mas para quem alugou carro muitos participaram do Congresso e depois retornaram para o hotel. Então saímos às 11:30h de Criciúma para Treviso, chegando lá por volta de quase 13 horas da tarde, já dentro do ginásio nos foi oferecido um almoço macarrão e arroz com carnes, também tinha frutas e bebidas, como faltava ainda umas 03 horas e poucas para à largada e não queria desperdiçar energias à toa como muitos fizeram, almocei, registrei algumas fotos com os amigo(a)s e fui para a arquibancada do ginásio tirar um cochilo...hehehe...
Preparado para mais um desafio
Faltando mais ou menos uma meia hora para à largada estava na dúvida se corria com camisa longa ou camiseta, o tempo ainda estava quente mas com o céu nublado, muitos disseram que na serra iria esfriar, vi que vários corredores resolveram correr com mangas longas e acabei de me aprontar resolvendo correr de camiseta, guardei a minha bolsa no guarda volumes, fui ao banheiro rápido e fiquei esperando dar o horário da largada. Já no portal de largada a turma fez a maior festa. Procurei me concentrar o máximo possível e em sintonia com Deus, mas como muitos me conhecem não me deixaram em paz, toda hora vinha um me chamando para registrar uma foto, a prova tem um miticismo e todos já sabiam o que iriam enfrentar pela frente, teriam a missão de correr e vencer os 42,195 Km para ser tornar um ninja runners.
Partiu Serra do Rio do Rastro
Diferente das duas edições anteriores que à largada foi de manhã, dessa vez à largada foi dada a tarde às 16:30h em ponto a temperatura estava ainda um pouco quente e lá fomos nós de encontro a Serra do Rio do Rastro, resolvi dessa vez correr com o meu celular para registrar todo o percurso no aplicativo Strava e aproveitei para ir também registrando algumas fotos e filmando durante o percurso. Inicialmente tinha planejado correr essa maratona em 4h30min mas não deu, pois exatamente 06 dias atrás tinha corrido a Maratona do Rio de Janeiro e a minha musculatura ainda não tinha se recuperado ainda. Alguns amigos me chamaram de louco, mas após a Maratona do Rio procurei ficar bem quietinho fazendo massagens nas pernas.
Durante o percurso
Corremos mais ou menos uns 2,5 Km no asfalto foi quando pegamos uma estrada em que a Prefeitura local estava recuperando para colocar o asfalto, tive todo o cuidado para não torcer os pés naqueles cascalhos e graças à Deus nada aconteceu, depois desse Km não sei mas me deu uma enorme vontade de fazer o número 1 procurei um mato e fiz rápido e voltei a correr o mais rápido possível, como nessa prova no Km 18 tinha um ponto de corte e ainda com o fantasma na cabeça do Endurance Challenge da qual eu participei este ano e fui desclassificado pelo erro da organização procurei correr o mais rápido possível até chegar esse Km 18 para não ser desclassificado, durante o percurso nos tobogans quando a subida era mais lenta nas descidas eu metia o pau correndo forte até que passei com folga no Km 18 e prossegui em frente, lembro que ao passar nesse Km tinha mais um tapete de cronometragem e as crianças locais da cidade distribuíam para nós bastões iluminativos peguei um mas como já estava carregando o celular e a lanterna nas mãos a uns 10 metros eu descartei esse bastão jogando no canto da rua.
Durante o percurso
Ao chegar na cidade de Lauro Müller tinha um posto de hidratação, onde tinha uma placa informando só falta apenas 22 Km e aí é o início do suplício da Serra, todos os pecados são pagos ali...rsss...era o início da subida ainda não muito íngreme mas se lá trás os corredores não dosaram na velocidade iria pagar caro nessa serra, alguns no início alternavam em andar/correr, já nessa subida veio a escuridão uma parte da serra não tem iluminação, mas não foi um bicho de sete cabeças, liguei a lanterna e prossegui correndo, notei que muitos estavam sem lanternas e aproveitava a carona das lanternas dos outros correndo próximo do outro corredor.
Subindo a serra
Não sei precisar na serra em qual o Km foi, mas acho que foi no Km 30, devido a Maratona corrida na semana anterior o cansaço bateu, as pernas começaram a ficar pesadas e comecei a alternar com caminhadas e trotes, mas pensei não posso me dar o luxo de ficar caminhando por muito tempo porque mais acima a serra ficaria mais íngreme e voltava a correr devagar no percurso alguns que passavam por mim me cumprimentavam, quando chegamos no ponto de iluminação da serra desliguei a lanterna e tentava ver a luz do mastro da bandeira lá no final para ver o quanto faltava, mas da onde olhei não tinha como porque uma parte da serra estava com neblina, como não tinha mais jeito, continuei correndo montanha acima até que cheguei num posto de hidratação que tinha uma placa escrita "só falta 7Km" olhei no relógio e já marcava 4h 30min e esses Kms finais são terríveis, a serra a noite na parte iluminada é linda, mas também insana e ela cobra o preço do corredor não é a toa que no vídeo da mizuno diz:
"Se você procura um adversário a sua altura, prazer tenho 1.420 metros.
Desde os primórdios, destemidos me desafiar.
Eu sou a Serra do Rio do Rastro e essa pista é meu templo.
Me derrotar aqui não é fácil, minhas armas são as subidas íngremes, curvas fechadas e o ar mais rarefeito a cada passada.
Corredores de todo o tipo me enfrentam, mas só os ninjas sobrevivem.
Pernas resistentes e mente confiante.
Você disse que técnica e disciplina te move, mas o que tem empurra, é o medo, medo de perder!
Bem os que hoje te chamam de louco, amanhã vão chamar você de lenda.
Mizuno Uphill Marathon".

Continuei correndo morro acima faltando uns 3 Km para terminar já sentia um pouco de frio e as mãos estavam ficando dormentes, hora corria, hora trotava a lua deu o ar de sua graça e em várias partes da serra escutava aquele belo espetáculo da cachoeira rolando morro abaixo, quando estava quase chegando no plano ouço o gaúcho locutor da prova falando dos 3 primeiros corredores sendo premiados no pódio, foi quando cheguei no cume e alguns caminhoneiros estavam parados esperando a prova acabar para descer a montanha nos incentivavam e as plantas dos pés já doíam muito mas continuei correndo até que vi o portal da mizuno e fui para o abraço terminando essa insana maratona em 5h27min20seg...Vibrei a beça e levantei as mãos agradecendo à Deus por mais um desafio concluído e todos me chamando de ninja runners então o lema acima descrito em azul não serviu para mim porque eu derrotei a montanha não fiquei pelo percurso, não desisti, foi sofrida, foi um misto de sentimentos que fica até difícil de explicar, não foi fácil porque a minha musculatura não estava recuperada da Maratona do Rio. Fiquei com um sentimento de dever cumprido, dei o máximo e consegui chegar até o final agora sou Ninja Runners.
Altimetria da Prova
Clique na foto para aumentar o zoom
Só os fortes sobrevivem eu venci a Serra do Rio do Rastro...Uhuuuu Ninja Runners
Essa foi sofrida, mas valeu a pena correr cada Km da serra
Confira todas as fotos do evento clicando aqui.

  Avaliação da Prova:
Inscrição: R$200,00 reais, com direito ao retorno do ônibus (A minha foi gratuita)...Ponto Positivo;
Kit: Peguei o meu Kit na cidade de Treviso - SC, 1 dia antes da prova sem nenhum problemas o que facilitou muito. Também o Kit foi entregue no Sábado (dia da prova). Recebi 01 bolsa de nylon, 01 camisa de dry fit, 01 número de peito, 04 clips buttons, 01 manual da corrida, 01 chip retornável, 01 chapéu, 02 fitas para identificação no braço e 01 viseira. Após a prova recebemos uma toalha e 01 cobertor térmico...Ponto Positivo;
Guarda Volumes: O organizador disponibilizou alguns micro-ônibus enumerados para guardar os nossos pertences, os staffs pegavam nossas bolsas colocavam dentro de um saco plástico transparente e lacravam, tanto na entrega como na devolução não tivemos problema algum... Ponto Positivo;
Altimetria da prova: Super difícil, quem não treinou subidas sofreu;
Percurso: Um visual de tirar o fôlego, pois à largada deu-se em frente ao Ginásio Clóvis Bernardini cidade de Treviso-SC, o trânsito ficou praticamente fechado para os corredores e na estrada antes de chegar a serra a organização disponibilizou na rua vários cones na via, também vários batedores staffs com a Polícia local iam e viam para ver se estavam tudo certinho, passamos por alguns bairros até chegar na cidade de Lauro Müller e subimos a Serra Rio do Rastro. Nos foi dito que o percurso tinha a marcação decrescente, mas o que vi durante o percurso foi algumas placas como faltam 22Km, faltam 12Km, faltam 7Km, faltam 5Km, faltam 03 Km o ideal e que as marcações fossem feitas pelo menos pintadas no chão ou placas como 10KM, 21Km, 30Km e os 40Km mas isso não tirou os méritos da prova...Ponto Positivo;
Posto de hidratação: Espetacular...Procurei me concentrar o máximo durante o percurso não deu para contar, mas a organização disponibilizou durante o percurso   vários postos de hidratação com águas em copos gelados, isotônicos, coca-cola, gel e também na chegada teve muita hidratação...Ponto Positivo;
Posto Médico: A organização da prova disponibilizou na largada, durante o percurso e na chegada, várias ambulâncias com médicos e enfermeiros, durante o percurso ia e vinha carros e motos ambulâncias...Ponto Positivo;
Banheiros: A organização da prova disponibilizou na largada uns 06 banheiros químicos do lado de fora do ginásio e dentro do ginásio tinha mais dois (1 feminino e 1 masculino), na chegada tinha banheiro no local do salão...Ponto Positivo;
Lanche da Prova: Na Sexta nos ofereceram lanches como biscoito doces e salgados, sanduíches, várias frutas, água, sucos e danone, já no Sábado ofereceram almoço, o corredor poderia comer o que quiser e a quantidade que quisesse tinha macarrão, arroz com carne cozida, durante o percurso nos ofereceram em alguns postos frutas, castanhas, passas, amendoins, barra energética e já na chegada pudemos comer a vontade frutas variadas, tinha copos de sopas, tinha copo de chocolate quentes...Ponto Positivo;
Premiação da Prova: O organizador premiou os 03 primeiros colocados da geral Masculino/Feminino com lindos troféus, 01 inscrição para a Maratona de Amsterdam e passagem aérea...Ponto Positivo;
Premiação Faixas Etárias: Uma pena não teve, mas bem que poderia ter, todos que enfrentaram essa serra deveriam ser premiados também...Ponto Negativo;
Medalha de Participação: Todos que cruzaram a linha de chegada de forma legal receberam um lindo medalhão de metal na frente vindo o logo, nome da prova, vindo escrito #ninjarunners, data e o nome do local da prova, já atrás vindo escrito o nome do patrocinador e a distância, vindo também com uma linda fita personalizada escrita com o nome da prova e o patrocinador...Ponto Positivo;
Resultado da Prova: A organização divulgou o resultado em seu site www.sulbrasilis.com.br...Ponto Positivo;
Prova: A Serra do Rio do Rastro é incrível o visual das curvas é belíssimo. Prova fantástica, difícil e emocionante nota 10, foi a primeira vez que corri essa prova. O astral dos corredores também foi showww. A X3M também está de parabéns, se me perguntarem se recomendo essa prova, mas é claro que recomendo, mas treine bastante;
Agradecimentos: Gostaria de agradecer ao Rogério Barenco (Diretor Executivo da Mizuno) pelo convite, belíssima prova muito obrigado amigo prova sensacional e espero estar lá novamente em 2016 correndo o Desafio do Samurai.

Parabéns a todos ninja runners que enfrentaram e completaram a Mizuno Uphill Marathon e espero estar com vocês em 2016!!!

Nenhum comentário: