terça-feira, 16 de junho de 2009

Boca no Trombone - Protesto - Parte 4

Amigo(a)s, infelizmente tenho que noticiar aqui no blog, mais um fato triste para o ATLETISMO. Ano passado tinha ouvido pela imprensa que a Pista de Atletismo Célio de Barros no Maracanã, iria acabar para ser feito no próprio local um Shopping...ouvi muita gente reclamando que era um absurdo e blá, blá, blá, pois e é mesmo...Daí o ano se passou e ninguém mais tocou no assunto...A uns 2 dias atrás trocando emails com a amiga corredora Juliana Carpes, daqui do Rio de Janeiro, ela tocou nesse assunto da Pista, daí como ela treina no próprio local, pedi a ela mais informações sobre o caso e ela me mandou a seguinte mensagem abaixo:
O Célio de Barros, infelizmente querem DEMOLIR. Se você puder falar desse absurdo no seu blog...Ele é muito lido, quem sabe não muda alguma coisa...

Por causa da realização da Copa do Mundo, a necessidade de haver hotéis, shoppings e muitas vagas de estacionamento perto dos locais dos estádios. Por causa disso, querem demolir o Célio de Barros e o Júlio de Lamare, o parque aquático. O Célio de Barros está com a conservação não muito boa. Até sofreu algumas pequenas reformas, mas certamente nada que tenha gastado muito dinheiro. Já o Júlio de Lamare sofreu uma reforma milionária. Colocá-lo no chão para construir um novo mais perto da Quinta da Boa Vista é um enorme desperdício de dinheiro, do nosso dinheiro, que pagamos com os nossos suados e caros impostos. E o Célio de Barros também. Sai muito mais barato reformá-lo do que demolí-lo e construí-lo em outro lugar. No caso do Maracanã, realmente há falta de vagas. As da UERJ e as do próprio Maracaná não são suficientes.
Quanto ao shopping, há dois shoppings grandes nas redondezas, o Tijuca e o Iguatemi, há 15 e 30 minutos de distância andando a pé, respectivamente. Um shopping do lado do Maracanã desvalorizaria os outros dois ou então não teria muito sucesso.

Hotéis próximos também não são uma boa idéia. Turista quer vir ao Rio para ficar perto da praia. Repare que a grande maioria dos hotéis bons são na orla. Um hotel por aqui só daria lucro em dias de jogos ou eventos no Maracanã. Fora isso, ficaria vazio.

Parece que o Célio de Barros vai ser demolido para dar lugar a um enorme museu do futebol. Oras, há vários terrenos nas redondezas onde tudo isso pode ser construído. O antigo museu do índio, na Rua Mata Machado, em frente ao parque aquático é um deles. Recentemente, um cortiço foi demolido em frente ao Maracananzinho na Rua Eurico Rabelo. Esse terreno poderia ser regularizado comprado pelo Estado. Há também um posto do INSS próximo abandonado, que tem um terreno grande na São Francisco Xavier, a um quarteirão do Maracanã. Sem falar um bar que pegou fogo, cujo terreno está vazio até hoje e nunca construíram prédio nenhum ali quase em frente a esse posto. Também poderia ser comprado. Nesses terrenos, dá para se fazer edificios garagem.

Sem falar que com certeza há outras maneiras de resolver os problemas para atender às exigências da FIFA sem ser demolido complexos esportivos já existentes. Quem sabe um estacionamento subterrâneo?

Dizem que poderíamos treinar no Engenhão. Será? Até hoje só os atletas de alto-nível puderam treinar lá e, mesmo assim, só nas vésperas das competições. Mesmo que seja possível usar o Engenhão, ele é mais longe para e para muitos, para o Brasil poder ser potência em esportes olímpicos, precisamos de mais complexo esportivos e não de menos. Quantas pistas de Atletismo como as do Célio de Barros temos no Rio? São poucas. O Brasil não pode pensar apenas no futebol e ignorar os outros esportes, tão importantes para ajudar a fomentar saúde e a formar cidadãos de bem, como é o caso do atletismo, o esporte cuja prática é a mais acessível. Bom, esse relato expressa a minha opinião e a de pessoas próximas. Se você quiser alterá-lo, fique a vontade.
Beijos,
Juliana

Juliana não tenho que alterar nada do seu relato, assino embaixo tudo que você escreveu, realmente é uma pena, se isso acontecer. Também liguei para a FARJ (Federação de Atletismo do Rio de Janeiro) a qual uma funcionária que me pediu para não divulgar o nome dela a mesma confirmou tudo isto acima, também escrevi para a CBAT sobre o assunto e estou aguardando o retorno. Não tenho nada contra o FUTEBOL, mais isso é um absurdo caso aconteça. É uma pista que já formou várias gerações de campeões tantos atletas de elite de nível nacional e estrangeiro e continua formando atletas bons, abaixo segue alguns exemplos:

=>Adhemar Ferreira da Silva, maior atleta brasileiro de todos os tempos, bicampeão olímpico no salto triplo, treinou e competiu nas pistas do Célio de Barros;

=>Aída dos Santos também: ela conquistou vaga para as Olímpiadas de Tóquio, em 1964, quarto lugar no salto em altura, com a marca de 1,74m, melhor resultado brasileiro em Olimpíadas durante 36 anos.

=>Joaquim Cruz, estabeleceu um recorde mundial, em 27 de junho de 1981, nos 800m masculino juvenil, com 1' 44'' 03.

=>Atletas internacionais como: Sergei Bubka e Michael Johnson, recordidas mundiais do salto com vara e dos 200m e 400m, respectivamente, competiram no Célio de Barros no final da década de 90.

Inclusive a minha filha Bruna, já competiu algumas vezes nesta pista
É galera as coisas estão ficando cada vez mais feias, pois eu conheço essa excelente pista, só nos resta fazer um movimento se UNINDO e torcendo para que isso não aconteça.

Amigo(a) corredor, se você conhece alguma autoridade que possa ajudar envia essa mensagem para ela, pois quem sabe ela pode ajudar.

Mais antes deixe aqui registrado o que você achou desse assunto.

19 comentários:

Harry disse...

Oi Jorge
Adorei o "inclusive minha filha competiu lá"...
Provavelmente essa informasção é boato.
Abraço
Harry

Gustavo e Karla disse...

Isso é realmente um absurdo! Coisas do Brasil! DEmolir lugares de pratica de esportes pra construir shoppings e hoteis, ou seja destruir um algo público e transformá-lo em privado. Com certeza se isso for verdade o único interesse é superfaturamentod e obras.
Pessoal confirmem a informaçãoe organizem um abaixo assinado com os atletas, algo que mostre união e força!

Contem comigo!

TC Projeto Triathlon (Tuco) disse...

Vamos fazer um abaixo assinado, cobrar dos políticos, dar nossos pulos, o que não podemos é ficar parados... Conte comigo para o que der e vier... Vamos fazer alguma coisa!!
Abração Jorge!!

Web Runners BH disse...

É, o que não ppodemos é ficar de braço cruzados. Temos que fazer alguma coisa, algum tipo de protesto coisa. Depois quando falamos que no nosso País não se tem apoio, dizem que estamos exagerando... Dá lhe Brasil !!!

CRT RUNNING disse...

Jorginho,

Parabéns por mais um "Boca no Trambone". Já li e tenho lido a respeito da demolição dos dois complexos.Isso é uma vergonha! Por isso sou contra fazer "Copa
do Mundo" aqui. Esses governates só querem saber de superfaturar as obras e encher o bolso de dinheiro.Já foi feito um abaixo assinado pelo pessoal que usa o
Julio de Lamare, mais até agora não deu em nada. Vamos torcer para que essas pessoas mudem de idéia...

Abs e bons treinos.

Joka disse...

Caro Jorge não vou generalizar, mas esses empresários da construção são foda, desculpe-me a expressão. Demolir um local de treinamento é mesmo que gerar pessoas ósseas. Na minha mente o esporte é a solução p/ a violência e uma vida saudável. Em Santos rolou algo parecido de cortar o coração, só que foi no CT da Unimonte, lá tinha uma piscina de 50m que foi destruída p/ virar loja de automóvel é mole ??? Nela treinava os melhores triatletas: Shiro,Galindes,Fred,Carla Moreno e outros cabras bons que se eu for mencionar já viu kkkk. Bom no caso da Pista de Atletismo Célio de Barros no Maracanã acho bom a galera correr p/ um protesto, abaixo assinado e tudo mais. Tenho certeza que os empresários estão agindo na surdina, fiquem espertos....Abraço amigão

Fabiana disse...

Um absurdo!

Fabi

Fátima Moraes disse...

A informação é correta e o próximo edital( já houve a consulta pública) será o que irá para licitação.
Aconselho a entrarem em contato direto e ver o que ainda pode ser feito...
Falta o de sempre no Brasil: união e ação.
Atualmente conta com 4.000 assinaturas e já foi encaminhado para o Ministério Público o pedido contra demolição do Parque Aquático júlio Delamare.

Este, pelo número de denúncias, abriu um espaço único de número é 11.979 onde podem ser feitas a juntada de assinaturas, reivindicações, denúncias, etc.

Está na sexta CAO das Promotorias de Justiça de Defesa da Cidadania, do Consumidor e Proteção ao Meio Ambiente e Patrimônio Cultural.
Tel: 2262-1166.

...tuttA... disse...

Não acho justo destuir um empreendimento que beneficia muitas pessoas para construir outro onde concerteza poucas pessoas poderão usufruir do local.
E como no relato diz: tem muitos terrenos e lugares próximos ao Maracanã onde poderiam ser contruídas tais obras para a Copa do Mundo.


---> tutta <---
ubiratã-pr.
www.correndocorridas.blogspot.com

artetecnet disse...

Prezados desportistas e demais pessoas de bom senso,

Parabéns pelos comentários, mas não é o suficiente.
Em 08.06.09, em audiência pública na ALERJ, a Secretária Estadual de Turismo, Esporte e Lazer, Márcia Lins, que também é Presidente da SUDERJ, declarou que o Estádio de Atletismo Célio de Barros e o Parque Aquático Júlio Delamare serão mesmo demolidos, como previsto no edital de 22.04.09. Entretanto, por incrível que possa parecer, o espaço não será aproveitado para implantação de estacionamentos, shopping center e/ou museu. Conforme noticiário recente, o Museu do Futebol será construído na futura Cidade dos Esportes, na área hoje ocupada pelo autódromo, na Barra da Tijuca. Já o estacionamento, em área próxima, fora do Complexo. Segundo a Secretária, em sua impressionante declaração na ALERJ, no lugar das duas arenas olímpicas serão implantadas instalações provisórias da FIFA, que ali deverão permanecer durante o evento da Copa do Mundo de 2014. Ou seja, a nossa cidade perderá duas instalações esportivas de altíssimo nível, para que a área, após as demolições,fique livre e disponível para a FIFA, por aproximadamente 40 dias. Posso afirmar que o custo para construir instalações esportivas semelhantes é superior a R$ 300 milhões.
É difícil entender a necessidade de demolição das arenas. Todo o espaço disponível destes dois equipamentos esportivos ( interno e externo ) poderiam ser, provisoriamente, adaptados às necessidades da FIFA, durante o evento da Copa. As piscinas, por exemplo, poderiam ser cobertas com pisos elevados industriais. É uma simples questão de planejamento.
Parece que o governo entende que não temos nenhuma deficiência em infra-estruturas básicas urbanas, como: transporte de massa ( eficiente, rápido e movido a energia limpa e renovável ), saúde, habitação social, saneamento, educação. A falta disso tudo, principalmente educação, que, naturalmente, inclui as práticas esportivas, é que gera a violência urbana.
Quanto mais escolas, mais esporte, com nível satisfatório, menos presídios e violência. Como vem ocorrendo nas últimas décadas, em todas as cidades, que sediam os mega eventos da Copa e das Olimpíadas, são deixados legados que transformam e otimizam os espaços urbanos. Não podemos deixar escapar esta oportunidade. Abaixo o desperdício.
A única maneira de evitar as demolições é o engajamento de parte significativa da nossa população. Como sabemos, os políticos detestam impopularidade.
Temos que promover uma grande mobilização popular. Não basta reclamar e lamentar, temos que lutar para impedir esta maluquice. Aquele patrimônio é da nossa cidade. Nós, cidadãos, é que temos que decidir.
Peço que procurem a Fátima Moraes, que se identificou acima, e façam parte do abaixo assinado, que poderá, a partir de agora, englobar os dois esportes ( não só os Esportes Aquáticos, mas também o Atletismo ). Os dois formam a essência dos Jogos Olímpicos e têm que ser respeitados. Infelizmente, por enquanto, não podemos contar com as Confederações ( CBDA e CBAT ), pois eles não podem ir contra o governo, patrocínios etc, mas a união faz a força. Falem com seus amigos, familiares, com os vizinhos, principalmente os moradores dos bairros que compõem a Grande Tijuca, que são os maiores prejudicados. Infelizmente, a maioria da população ainda desconhece o problema.
IMPORTANTE: A Fátima lembrou que pode ser aproveitado o evento da Maratona do Rio ( com muito orgulho, completei 5: de 1970 a 1974 ), para divulgar a nossa causa e colher assinaturas. É uma ótima oportunidade.

Abraços a todos,

AC Saraiva – arquiteto.
9167-3375 / 2497-7002
artetecnet@hotmail.com
www.artetecnet.com.br

Anônimo disse...

Maracutaia a vista , grande dispedicio , sem comentários ...

Evaristo Martins disse...

Sou treinador esportivo e tambem participei do abraço ao maracanã no dia 16/05/2009. Temos que fazer uma grande mobilizaçao porque muita gente não está sabendo dessa demoliçao. Meus atletas participam de competiçoes no Célio de Barros na categoria Master e se ele for demolido não terão mais essa oportunidade. O Célio de Barros tem história que não deve ser apagada com essa demoliçao. Isso é crime contra a população do Rio de Janeiro. Contem comigo , um abraço á todos.

Dungó disse...

E quem é que vai preso, Jorge? Só agora as contas do Pan vão ser liberadas e não duvido que vão esconder toda a grana gasta nos elefantes brancos que estão ai (maria lenk, velódromo, Engenhão mal utilizado e outros). O legado pra Copa não será tão diferente, assim como se vier mesmo a ter olimpíadas em 2016 por aqui.
Depois as taxas de violência só aumentam e ninguém entende por que.

Joka disse...

To falando!!! Quando o povo vai na onda de que é buato, os caras já estão anos luz a frente...

artetecnet disse...

Desculpem a confusão. Troquei os números. Ontem, na minha mensagem protesto contra as demolições das arenas esportivas, informei que as minhas participações nas maratonas do Rio foram de 70 a 74. Na verdade, foram de 80 a 84.

Abraços a todos,

AC Saraiva.

Rodrigo Damasceno disse...

É um aburdo isso!!! Sou absurdamente cntra demolir tanto o Célio de Barros quanto o Julio Delamare.
Temos que colocar a boca no trombone mesmo!
Vamos protestar...
Se forem fazer isso, me avisem!

Rodrigo Damasceno disse...

Vire blogueiro também!
Dá uma passada lá: http://www.maniacoporcorrida.blogspot.com/

abraçao

George "Pepe" Volpão disse...

Buenas Jorge!

E ae? Vai rolar uma confraternização dos blogueiros no rio, da mesma forma q teve em porto alegre?

Qualquer coisa ae me avisa ok?

Abração!

Pantera Cor de Rosa disse...

Já mandei a minha reclamação para o MP. Todos devem fazer isso. Você conhece o João Traven da Spiridon, não conhece? Quem sabe ele não ajuda em alguma coisa. Afinal, ele sempre faz as corridas infantis lá no Célio de Barros...