quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Tênis Usado...Você usaria para treinar ou competir?

Sabe aquele tênis que você não usa mais, e você tem dó de jogar fora? Ou aquele outro que é para uma pisada diferente da sua que você comprou errado e incomoda um pouco na hora de correr e que acaba não sendo utilizado? Quem sabe aquele que você trocou por um mais novo, mas com uma limpeza e um certo cuidado ainda pode ser utilizado? Todas essas opções e várias outras que você tenha em casa podem ser melhor utilizados do que ficar dentro da caixa ou em algum canto do armário.

Pois é amigo(a)s estou levantando essa questão aqui no meu blog sobre TÊNIS USADOS.
Eu tenho alguns pares guardados aqui em casa ainda e alguns eu até já joguei fora porque estavam rasgados demais. Soube também que tem algumas equipes e associações que aceitam DOAÇÕES para corredores que tem poucos recursos para comprá-los. E como eu já falei uma vez para alguns amigo(a)s que quem corre e tem blog, nós somos COBAIAS (no bom sentido...rsss...) para que outros corredores possam aprender conosco.

Mais olhando a sola deles dá uma pena...rsss...Como eles são nossos amigos, nos protegendo nossos pés e articulações.
Mais a PERGUNTA é será que vale a pena mesmo usar estes tênis? Será que não irá lesionar outro(a)s corredores? Bom creio que se alguém usar os meus, irão se lesionar os que tenho guardado aqui em casa tá bem rodados e gastos...Acredito que as equipes que aceitam doações devem fazer um CHECK-UP geral no tênis e só devem aproveitar os melhores, também sei que alguns tênis são recondicionados nas solas.

Fiz um teste comigo mesmo, treinando a 2 meses atrás com um dos tênis usados acima quando chegou no 10Km senti a dor na panturrilha e como tinha sentido esta mesma dor numa competição anterior que me fez ficar parado por 2 meses em tratamento sem correr.

Conclusão: Não uso mais os tênis usados como estes acima.

24 comentários:

Manpro Execução e Manutenção disse...

Olá Jorge.

Saudades de ler os teus post,s, para mim, és um verdadeiro jornalista. em relação ao tema, já tive esse problema, comprar mal um par de ténis e depois sofrer com isso ( unhas pretas) até mesmo lesões. O calçado velho, por um lado é bom, porque já tem a forma do nosso pé, e é deveres importante o pé e o ténis ser um só. deixo aqui um site muito importante para quem quer comprar um ténis apto para o seu pé

http://calcadodesportivo.com/acomodacao.htm

Carlos Lopes disse...

Olá Jorge.

Saudades de ler os teus post,s, para mim, és um verdadeiro jornalista. em relação ao tema, já tive esse problema, comprar mal um par de ténis e depois sofrer com isso ( unhas pretas) até mesmo lesões. O calçado velho, por um lado é bom, porque já tem a forma do nosso pé, e é deveres importante o pé e o ténis ser um só. deixo aqui um site muito importante para quem quer comprar um ténis apto para o seu pé

http://calcadodesportivo.com/acomodacao.htm

railer disse...

jorge,
acabou que fiquei mais uma semana no méxico e não pude correr a etapa adidas de primavera no rio. mas oportunidades não vão faltar.

quanto ao tênis, recentemente comprei um apropriado para minha pisada e o meu velho guerreiro de provas eu doei, pois estava ainda em boas condições, com solado bacana. acho legal passar pra frente enquanto ainda dá pra ser útil pra alguém.

tephyperrone disse...

tenis usado ou eu aposento de vez ou uso pra fazer musculação até detonar mais um pouco. acho que pra outra pessoa pegar o tenis que já está gasto e utilizar em corridas é um pouco perigoso na questão das lesões e coisas do gênero.

ah, muito legal o seu blog. vou seguí-lo ;)

abraço
Stéphanie

Hideaki disse...

Para mim, é inconcebível doar meus tênis usados. Prefiriria participar de campanhas para doar tênis novos, rachando o preço em umas dez pessoas. Tem dois aspectos.

Primeiro, que eu tenho muito carinho com meus tênis, e como você, eu uso até abrir buracos. Eu faço o seguinte: os tênis novos, uso para maratona. Depois de um tempo, pra meia e 10 km, depois pra treino, e por fim, para caminhadas e uso cotidiano até se tornar inutilizável. Mesmo um tênis de pisada errada, se for para caminhada, acho que dá pra usar muito bem, pelo menos no meu caso. Depois de abrir buracos, deixo no meu "museu de tênis".

Segundo, será que, se a gente usa um tênis por muito tempo, esse tênis não acaba assimilando os nossos "vícios de corrida"? Por exemplo, o próprio fato de desgastar só num lado da sola. Será que não há a possibilidade de se tornar um calçado totalmente incompatível com um segundo atleta? (tudo bem que na grande maioria das situações, não acontece isso).

Abraço!

amocorrer disse...

Amigo jorge, segundo alguns fabricantes a vida util de um tenis varia de 600 a 800km eu qdo chega em 600km paro de correr com eles uso para o dia a dia uns eu dou embora pois a sola esta intacta pois meus treinos são 95%na grama. abcs. Regis

Stéphanie Perrone disse...

oi!
respondendo as perguntas...

- eu encontrei teu blog no Triblog do Rodrigo e também no Correndo na Chuva do Bruno.

- eu sou de Porto Alegre, assim como o Bruno do blog Correndo na Chuva.

bons treinos pra você ;)

Emerson Jacques - corredor disse...

Muito oportuno essa sua matéria, quem não tem um "surradão" desses?

Eu tenho 2 desses lá em casa que estão "pela hora da morte", hehe.

Concordo que normalmente os bons tenis não são tão baratos assim. Mas ainda vale a pena a gente ir na loja e "fechar um patrocínio", onde nós entramos com o money é claro, hehe, e adquirir algo que nos dê conforto e uma maior segurança, do que arriscar a sorte.

Basta pensar, é bom uma lesão?

Um dos nossos professores diz que se fizermos tudo certinho no atletismo nós somos potencialmente passíveis de lesões, agora imagina se dermos bobeira.

Boa reflexão que voce gerou, PARABÉNS por levantar esse tema.

Grande abraço e até mais.

Ps.: com sua autorização, vou lincar essa sua matéria no meu blog.

Eduardo Acacio disse...

Jorge o fato é sério !!! Pois os tênis modernos tem "validade" vida ÚTIL, e creio que no ato caridoso de doar o nosso amigo de tantos kms poderiamos estar desfavorecendo outros, com algum tipo de problema, eu penso assim... Prefiro agir de outras maneiras ...

Abraços e Parabéns pelos Posts!!!
http://porqueeucorro.blogspot.com/

Fábio Namiuti disse...

Tenho pisada supinada, detono os tênis rapidinho; e doar os meus usados seria quase uma ofensa.

Na minha opinião, a melhor "caridade" possível seria a desse governo insaciável por $$$ (como foram todos os outros anteriores e serão os posteriores), baixando esses impostos abusivos (e ridículos) e tornando os preços mais condizentes com a realidade desse país. Aí, quem sabe, tênis deixava de ser coisa de playba pra virar coisa de esportista mesmo. Ih, sonhei ...

Parabéns pelo tópico e pelo retorno à blogosfera, Jorjão !!!

Abraço,

Fábio

Xampa disse...

Jorge,
eu tenho dois tenis usados em casa ( corro há um ano ) e estou na mesma dúvida do que fazer. O estado deles está longe dos seus, mas eu usei umas vezes e senti diferença com os mais novos e preferi não contiunar antes que desse algum problema. Eu estou afim de doá-los, resta saber como.
Abs.

runinggirl disse...

Oi Jorge

Sou mesma sua fãn No.1. Você além de excelente atleta é também um excelente escritor. Quando crescer quero ser como você (rssssssssssss). Olha este assunto de tennis usado é meio complicado passar adiante para outro corredor pois pode ser super perigoso. Aqui nos Estados Unidos, especialmente entre os corredores do meu grupo compramos 3 tennis por ano; dois para treinos, pois alternamos os tennis durante os treinos e o terceiro para correr as maratonas.

Como corro em torno de 4 meias e 2 full maratonas por ano entao aposento os meus tennis e os uso na academia.

Olha estou chegando ao Brasil (Rio)Final de Dezembro e claro que quero conhece-los pessoalmente. Temos muitas ideais para trocar sobre corridas.

Um abraço grande,
Sandra

Leandro Turbino disse...

Jorge, excelente tema! Quando aparecem opiniões divergentes nos comentários, é sinal que o post conseguiu conquistar a atenção dos leitores.

Primeiramente, acho importante respeitar as informações dos fabricantes e controlar a Km de cada tênis. Pois mesmo um tênis estando aparentemente novinho em folha, mas com a KM máxima estipulada pelo fabricante, pode causar lesões quando utilizado com intensidade.

Para mim os tênis usados (ou que atingiram a Km máxima), passam a ser utilizados para atividades cotidianas (não esportivas), enquanto estejam em condições apresentáveis.

Quanto a doação o tema é polêmico, pois vemos muitas reportagens que mostram jovens que na falta de um tênis treinam descalços ou cortando o bico do tênis quando este é muito pequeno para seus pés.

Portanto tenho dúvidas sobre doação e acho que é uma questão de bom senso. Se quisermos doar para corredores, deveriamos doar apenas aqueles ainda em condições de serem usados para atividades esportivas. Já os mais velhos seriam melhor aproveitados por pessoas carentes que não pretendem utiliza-los para atividades esportivas, mas sim apenas para ter algo para por no pé.

Como eu disse, excelente tema! parabéns.

Abraços,
Leandro.
http://corromesmo.blogspot.com

Maurão disse...

Jorge. meu camarada.

Se o tênis estiver só o bagaço, acho muito arriscado deixar que um outro corredor utilize-o.
Abraço.
Maurão.

luis mota disse...

Olá Jorge!
Com o tempo o calçado fica impróprio para o treino.
Eu tenho um problema no calcanhar que agrava quando o amortecimento deixa de ser bom. Olhando para a sapatilha,ela está muito boa para muitos atletas. Como para mim já não dá eu dou a sapatilha.
Luís Mota

Triblog disse...

Estou no mesmo dilema que você, tenho um Adidas que até não está tão velho assim, mas ele me dá péssimas lembranças da tendinite...

Márcio Santana disse...

Caro Jorge (parabéns pelo Blog, que descobri recentemente), normalmente uso meus tênis de acordo com a seguinte orientação:

Fase 1: tênis novo, ainda com capacidade de amortecimento. Uso apenas em treinos longos;
Fase 2: tênis usado, já sem capacidade de amortecimento. Uso apenas em treinos curtos ou de velocidade;
Fase 3: tênis para uso diário, se estiver esteticamente atraente, caso contrário, vaio direto para a fase seguinte;
Fase 4: tênis seguem para doação, mas não para esportistas.

Há sempre um par de tênis em cada fase. Quando o tênis da fase 1 perde a capacidade de amortecimento, compro novo par e remanejo os demais tênis para as fases posteriores.

Márcio Santana
http://tocorrendo.blogspot.com/

P.s.: você conhece algum outro blogueiro aqui de Pernambuco?

Everaldo Motta disse...

Olá Jorge, bom dia!
Oportuno o assunto. Como sempre mandou bem.
Todas as opiniões dos colegas são válidas e úteis.
Meu tenis quando não serve mais para corrida eu entrego para uma instituição de caridade, que com certeza farão bom uso.
Ah, 30 de novembro espero você aqui em Niterói para meia maratona em dupla.
Um forte abraço e bons treinos
Everaldo

Antonio disse...

Meu Caro jornalista Jorge !
Jornalista sim, pois além de militar, corredor e ainda ter tempo para escrever com maestria, não sendo graduado no ramo,
teria com certeza uma "vaguinha" nessas revistas de running.
Pois bem, tênis usado é legal sim, desde que em condições de uso, possuo alguns e, poderei doa-los a quem necessita. Agora cá entre nós, esse que você mostrou no blog, nem o hospital do tênis dá mais jeito.

um abração
Antonio

M. Balbino disse...

vale a pne a doar esses tenis pra alguem que tem o amor pela corrida de rua e nao deixa de correr, nem que seja descalco... ai sim tem q ser doado.. correr com os pes literalmente no chao nao da...

Bruno Thomaz disse...

Amigo Jorge!!
Claro que eu pesquisei antes sobre os tênis, perguntando para meus amigos e até procurando na internet informações sobre eles. O Penalty é neutro, e o Avia tem correção para os dois tipos de pisada. Minha pisada é levemente supinada, mas posso usar tênis neutro sem problemas, segundo meu fisioterapeuta.

Um abraço e obrigado pela atenção e pelos desejos de boa sorte!

Um bom fim de semana para ti e para tua família!!

Samuel Moreira disse...

Tudo bem?

Os tênis usados e se ainda tiverem em bom estado eu repasso para o porteiro do prédio ou para alguém que ele conheça e precise. Para corridas em não indico pois se já estão gastos para mim que corro para outro corredor será a mesma coisa. O ideal é que tivesse uma campanha para a colaboração na compra de tênis novos e que cada um pudesse dar uma quantia.

Um grande abraço

Harry disse...

Oi Jorge,

Para quem corre forte como voce é roubada usar tenis vencido.

No meu caso, o modelo mais velhinho deixo guardado para usar naquele dia que colocamos ele no barro, chuva, etc, isso quando é um treino de rodagem na grama ou terra, e de até 10K.

Em outros tipos de treino, mesmo com chuva vou com um em bom estado.

Doar para mim é a pedida, pode ser que não seja para um corredor, mas pode ser para aquele cara que nem uma havaiana tem.

Abraços,
Harry

CORREDOR " X " disse...

Esses "treinadores" que dão tênis usados aos seus alunos, na minha opinião são irresponsáveis